Pular para o conteúdo.

MIRAI CONCEPT

Veículo conceitual exibido.

A próxima etapa da tecnologia FCEV.

Lançada em 2014, a primeira geração do Toyota Mirai comprovou o potencial global do uso de hidrogênio para promover mobilidade limpa e sustentável ao combinar autonomia na estrada com intervalos de reabastecimento equivalentes a veículos convencionais e emissões de nada além de água. O Mirai Concept é um modelo de desenvolvimento em estágio final do Mirai de segunda geração. O Mirai totalmente reprojetado reflete um grande avanço para veículos elétricos com célula de combustível (Fuel cell electric vehicles, FCEVs) e o potencial de uma sociedade baseada em hidrogênio, com alcance significativamente maior, desempenho aprimorado de condução e um projeto elegante e esportivo que oferece mais espaço e conforto aos passageiros.

Sistema de transmissão Tração traseira
Alcance 30% de aumento
Capacidade 5

Um veículo elegante e moderno que oferece uma experiência aprimorada de condução.

O Mirai Concept foi desenvolvido para criar um carro que os clientes desejem dirigir o tempo todo, um carro com um projeto emotivo e atraente, além do tipo de desempenho dinâmico e responsivo capaz de estampar um sorriso no rosto do condutor. O Mirai Concept apresenta um design externo dinâmico, incluindo linhas baixas, proporções elegantes, carroceria firme e alongada, além de rodas grandes com 20 pol. de diâmetro, proporcionando uma aparência poderosa e distinta ao conjunto. Ele será apresentado em uma cor externa desenvolvida recentemente (azul intenso em várias camadas) que utiliza camadas de cores para obter níveis excepcionais de brilho e profundidade. O interior acolhe o condutor, oferecendo um espaço simples e moderno para criar uma sensação de receptividade e conforto.

Aprimoramentos substanciais no desempenho de condução.

Projetado desde o início para acomodar toda a gama de conjuntos propulsores da Toyota, incluindo células de combustível a hidrogênio, a mais recente plataforma modular da Toyota confere ao Mirai Concept um maior grau de rigidez do chassi, o que contribui para mais agilidade e capacidade de resposta, além de um centro de gravidade mais baixo, o que resulta em manobras ágeis. Os aprimoramentos do sistema de células de combustível vão além do aumento de autonomia, oferecendo resposta linear e contínua de arranque, consistência entre as aceleradas do motorista e a aceleração do carro. As manobras são leves e fáceis em estradas sinuosas, enquanto a condução em rodovias proporciona uma sensação excepcional de potência em todas as velocidades.

A próxima etapa da tecnologia FCEV.

A última geração do Mirai oferece um sistema de célula de combustível totalmente reprojetado, incluindo seu grupo de células de combustível, que oferece desempenho substancialmente aprimorado. Isso inclui a obtenção de um aumento de 30% na autonomia de distância em relação à geração atual, graças à ampliação da capacidade de armazenamento de hidrogênio, entre outras medidas.

Pesquisa sobre o site

Após visualizar esse conteúdo, você acredita que a Toyota está no caminho para se tornar uma empresa de mobilidade?

Obrigado.